São Paulo: +55 11 4172-5533 | Demais Localidades: +55 3003-0618 contato@mypetsnanny.com.br

Você está andando de um lado para outro da casa, e quando vê tropeça em algo. Sim, no seu cão!

Aí você acha que ele vai parar de te seguir pois você tropeçou nele, mas não, ele continua a ir de lá para cá, o tempo todo atrás de você!

Quem nunca passou por isso?

Os cães adoram seguir e ter seus donos sempre à vista, mas porque eles fazem isso?

Vejam 4 possíveis motivos para seu cão ficar sempre colado em você:

1- Instinto de matilha: os cães vieram do ancestral lobo, e por esse motivo tem uma característica bem forte de gostar de ficar em grupo. Se ele não tem outros cães para formar seu grupo, ele irá formar esse grupo com você. Então quando o seu grupo, no caso você, vai para um lado da casa, ele também deve ir, e ficar próximo!

2- Filhotes: O etologista Konrad Lorenz, mostrou que filhotes de gansos o seguia ou passaram a reconhecê-lo como “pai” ou alguém em quem eles podiam confiar. Filhotes de cães também terão essa atitude, e também ficarão seguindo àquela pessoa em que ele sentiu-se seguro e confiante! Essa fase é comum de ocorrer das 3 semanas de vida até 4 meses.

3- Raça: tem raças de cães que seguem mais seus donos que outras. Raças que foram criadas para companhia, tendem a serem mais grudadas do que raças mais independentes. Exemplo, o maltês tende a seguir mais do que um sharpei.

4- Interesse e reforço positivo: Muitos cães seguem seus donos pois sabem que vão ganhar algo. Percebem que seu dono vai para a cozinha, e já o segue na tentativa de ganhar comida, ou sabem que na hora de dormir se o seguir vão ganhar um cafuné, etc. Dessa forma o dono reforça a atitude de ser seguido, e acaba condicionando o cão a sempre segui-lo pela casa, pois no final sempre receberá um carinho ou um petisco!

E o seu cão, também te segue pela casa? Conte para nós nos comentários.