São Paulo: +55 11 4172-5533 | Demais Localidades: +55 3003-0618 contato@mypetsnanny.com.br

Um dos grandes problemas na maioria das casas com cães são os latidos excessivos! Cães que conseguem passar 24 horas sem parar latindo, sim pasmem, 24 horas!!! Chegam a ficar muitas vezes roucos, e exaustos, mas descansam uns minutos e logo voltam a latir!

Mas porque meu cachorro não pára de latir? O que pode estar acontecendo com ele? Como fazer meu cachorro parar de latir tanto?

Na My Pet’s Nanny, há uns meses recebemos a ligação de um cliente desesperado, pois já havia até se mudado de prédio por causa de seus cães que latiam demais! Já havia tentado adestramento, já havia passeado, mas não adiantava, eram os donos saírem de casa, que pronto, eles começam a latir! Os donos estavam com receio de receberem multas e reclamações no novo prédio, e por isso estavam entrando em contato!

Bem casos como esses não são atípicos e realmente deixam qualquer um desesperado, mas porque seu cachorro está latindo tanto? Vejam aqui 4 motivos para que isso ocorra:

1- Tédio:

Sim, segundo pesquisa feita pela My Pet’s Nanny, 23% dos cães passam mais que 8 horas sozinhos, 22% passam menos que 8 horas sozinhos mais ainda assim ficam um bom período sem ninguém! É um número bastante significativo, se pensar, quase metade dos cães hoje passam horas e horas sozinhos em casa, sem nada para fazer, olhando paredes! E se você está aliviado porque 49% tem companhia, eu digo, não se anime tanto, mesmo tendo companhia, não há interação que eles precisam, os cães precisam gastar energia física e mental todos os dias, e muitos deles mais de uma vez por dia, senão desenvolvem comportamentos obsessivos, ou outros problemas comportamentais!

2- Muito mimo:

Exatamente isso que você leu, existem cães mimados, e que reivindicam  a atenção de seus donos através do latido. Muitas vezes por se sentirem culpados de algo, os donos acabam por mimar seus cães. Claro que devemos trata-los bem, mas assim como uma criança mimada fica difícil para seus pais, os cães mimados também podem ficar difíceis para seus donos. Cães que passam 100% do tempo com seus donos, vão até trabalhar, vivem no colo, ou em carrinhos e bolsas e realmente não se sentem cães, e sim gente! Normalmente esses cães, quando não são agradados reivindicam com latidos e até mordidas! Trazer limites para os cães também é fundamental, mesmo que isso seja difícil, é de grande importância que o cão entenda que é cão, e que há lugares que ele pode ir, coisas que ele pode fazer, porém outras que não!

3- Confuso:

Reforçar uma atitude que não deve. Por exemplo, seu cachorro latir e ao invés de você repreender a atitude você reforça. Muitos donos acariciam o animal sem perceber, o cão late para alguém e ele inconscientemente acaricia, por exemplo! Em outro momento o cão late na porta de casa e o dono briga com ele. Isso só o deixa mais confuso com relação àquela postura que ele está tendo, pois horas é uma postura “positiva”, horas não. Devemos ter cuidado para nunca reforçar aquilo que não é bem vindo, pois sem querer nós mesmos que estamos causando a confusão na cabeça do animal!

4- Medo:

Muitos cães latem por sentirem medo! É uma forma de avisarem “não cheguem perto de mim”, “não quero sua presença aqui”. Alguns latem perto da porta mas com o rabo entre as pernas, outros latem enfiados debaixo da pia, sem parar. O latido de medo pode trazer agressão se não for tratado! É importante que um bom profissional de adestramento seja chamado para que seja analisado os motivos reais que trouxeram esse medo ao cachorro, e aos poucos ir estabelecendo essa relação de confiança!

E você, tem um cachorro que late demais também? Conte para nós aqui nos comentários, e lembre-se em muitos dos casos nós podemos te auxiliar!